top of page

PUBLICIDADE

PRINCIPAIS NOTICIAS DE 14 DE FEVEREIRO


Brasil

PF faz operação contra garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami; suspeitos movimentam R$ 422 milhões em 5 anos

Empresários, advogados e servidor da prefeitura de Boa Vista estão entre os investigados. Dinheiro chegava por terra a Roraima, e ouro saía em aeronaves. Suspeitos contavam com colaboração de funcionário de companhia aérea, segundo a PF.

A Polícia Federal começou a cumprir na manhã desta terça-feira (14) mandados de busca e apreensão contra suspeitos de integrar uma quadrilha envolvida na compra de ouro extraído ilegalmente da Terra Indígena Yanomami, em Roraima.

A Justiça expediu 16 mandados de busca e apreensão, e a PF cumpriu 13 até a última atualização desta reportagem – os demais não foram encontrados ou os endereços já não tinham mais relação com eles. Também foram determinados bloqueios de bens de investigados.


Internacional

Homem abre fogo em universidade em Michigan, nos EUA, mata três e fere cinco pessoas

Homem atirou em dois locais diferentes do campus. Segundo a polícia, criminoso está morto.Um homem abriu fogo e deixou ao menos três mortos e cincos feridos na Universidade de Michigan (Michigan State University, MSU) nesta segunda-feira (13), informou a polícia local logo após invadir o campus principal na cidade de East Lansing em busca do suspeito.


Um homem de 43 anos, apontado como atirador, está morto, segundo a polícia. Não está claro se a morte do criminoso ocorreu durante outro tiroteio ou se ele se matou. A polícia não divulgou a identidade dele.


Politica

Desnutrição atinge cerca de 50% de crianças Yanomami de até 5 anos monitoradas pelo SUS

Maior percentual de crianças com peso baixo ou muito baixo para a idade foi em 2021, quando 56,5% delas estavam abaixo do peso ideal.

Ao menos desde 2015, cerca de metade das crianças Yanomami de até 5 anos apresentam peso baixo ou muito baixo para a idade. O pico de crianças fora do peso adequado foi em 2021, quando 56,5% de crianças yanomami estavam com algum nível de déficit de peso.

Os dados são do Departamento de Atenção Primária à Saúde Indígena do Ministério da Saúde fornecidos via Lei de Acesso à Informação.


Economia

Volkswagen suspende temporariamente produção em fábricas no Brasil

Com falta de peças, empresa anunciou férias coletivas para funcionários de três das quatro unidades no país.

A Volkswagen anunciou que irá suspender temporariamente a produção em três de suas quatro fábricas em atividade no país. Com falta de peças, a empresa dará férias coletivas para os funcionários das unidades de São Bernardo do Campo (SP), São José dos Pinhais (PR) e São Carlos (SP).

Em comunicado enviado ao g1 nesta segunda-feira (13), a montadora informou que em fevereiro serão dez dias de recesso para os funcionários, com emendas na semana do Carnaval:

Fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo: férias coletivas de 22 de fevereiro a 3 de março;

Fábrica de São José dos Pinhais (PR): de 22 de fevereiro a 3 de março;

Fábrica de São Carlos (SP): de 20 de fevereiro a 1 de março.


Esportes

Ex-jogador do Vila Nova é alvo de operação que investiga manipulação na Série B; clube fez a denúncia ao MP

Meia Romário, que teve contrato rescindido por "ato de indisciplina grave", está entre os investigados. Jogos Vila Nova x Sport, Criciúma x Tombense e Sampaio Corrêa x Londrina estão na mira

O meia Romário, de 20 anos, ex-jogador do Vila Nova, é um dos alvos da operação do Ministério Público de Goiás (MP-GO) que investiga fraude em resultados da Série B do ano passado.

Um dos três jogos investigados é Vila Nova 0 x 0 Sport, na última rodada da competição. Na ocasião, o time pernambucano teve seis jogadores expulsos. Romário, hoje no Goiânia, não atuou naquela partida.

A operação, denominada “Penalidade Máxima”, também investiga suspeita de manipulação de resultados em outros dois jogos da última rodada da Série B: Criciúma 2 x 0 Tombense e Sampaio Corrêa 2 x 1 Londrina. As fraudes estariam relacionadas a apostas esportivas.

Cultura

Diretor de balé alemão esfrega fezes no rosto de jornalista que fez crítica negativa a espetáculo

Jornalista é atacada em pleno teatro após criticar espetáculo em artigo jornal. Coreógrafo investigado pela polícia e afastado do cargo admite ter se excedido, mas evita pedir desculpas a sua vítima.

A Ópera de Hanôver anunciou nesta segunda-feira (13/01) o afastamento de seu diretor de balé, investigado pela polícia por esfregar fezes de cachorro no rosto de uma jornalista que havia feito uma crítica negativa a um de seus espetáculos.

No último domingo, durante a première de seu espetáculo Glaube – Liebe – Hoffnung ("Fé – Amor – Esperança", em tradução livre), o diretor da Companhia de Balé de Hanôver, Marco Goecke, atacou verbalmente a crítica do jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung (FAZ), Wiebke Hüster, antes de retirar de seu bolso um punhado de fezes de cachorro e esfregá-las no rosto da jornalista.


DÓLAR

Na cotação de hoje, o dólar esteve no valor de 5,201.


Fonte texto e imagens: G1

Fonte aumento do dólar: UOL

Comments


Você também pode gostar de ler sobre:

bottom of page