© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

Vidraceiro e serralheiro, você sabe como adaptar-se ao atendimento digital?

 Imagem: Departamento de Arte Jornal do Vidro

 

O Jornal do Vidro continua a série de entrevistas relevantes para entender o que acontece com o mercado vidreiro. Dessa vez vamos falar sobre tecnologia e o convidado de hoje é um dos fundadores da empresa Sym Tecnologia, Júlio dos Reis.


Jornal do Vidro- Em uma vidraçaria, uma serralheria, uma têmpera, uma distribuidora de perfil, uma fábrica de acessório, ou uma distribuidora de vidro, como essa ferramenta pode ser usada?


Júlio -  Esse sistema tem algumas funcionalidades, nesse caso o que funcionaria muito bem seria o chatbot que é um robô para algumas situações que seu cliente tem, vou dar um exemplo: teu cliente quer saber sobre seu catálogo de produtos por exemplo, você pode deixar seu catálogo de produtos automaticamente para ele. Vou dar outro exemplo: você é uma vidraçaria e trabalha sozinho, e naquele momento você está atendendo um cliente, montando um box provavelmente nesse momento seu celular vai tocar, se você tiver o bot, você não precisa atender o cliente diretamente, o próprio bot pede as informações, para quando você não perder o contato do cliente.


Jornal do Vidro- Então qualquer profissional da indústria vidreira consegue fazer um atendimento sem colocar a mão no telefone?


Júlio- Existe vários modos de automação, pode ser algo mais simples, quando o cliente deixa a informação do que ele precisa, ou por exemplo uma possibilidade maior, que pode ser uma integração de um sistema com outro, e buscar se um produto que o cliente deseja, está no estoque. Existe uma situação importante para as pessoas entenderem: A automatização de forma alguma a gente acha que ela substitui o atendimento humano, isso é uma dúvida que as pessoas têm "será que meu cliente vai se adaptar a isso?". O profissional não vai perder a oportunidade de conversar com o cliente, a autorização complementa sua capacidade de atendimento, com isso ninguém fica sem resposta, mas quem fecha a venda é você.


Jornal do Vidro- Na sua opinião, qual a importância de se adaptar digitalmente, depois que todo mundo ficou em casa? E o que as empresas podem fazer usando o bot para atender esse pessoal que está em casa?


Júlio- Pensar na tecnologia agora se tornou mais importante, porque isso traz o cliente até você, diversas tecnologias podem ser usadas, e aqui estamos reforçando algo que o cliente já é acostumado a usar, então há a possibilidade disso que ele já usa, fazer essa ponte até seu negócio. A grande sacada, daqui para a frente, é a adaptação as mudanças que vão ocorrer, e a tecnologia é uma forma de melhorar esse processo.

 

 Imagem: Entrevista Jornal do Vidro - Júlio dos Reis


Jornal do Vidro- Uma coisa que está acontecendo é que uma boa faixa da população economicamente ativa não vai poder sair, esse pessoal não tem outra alternativa a não ser usar esses meios disponíveis.


Júlio- As pessoas vão ter que usar tecnologias acessíveis a elas, então se você encontra caminhos de usar a tecnologia adaptada a realidade dos clientes que você tem, você está um passo a frente daqueles que não fazem isso.


Jornal do Vidro – O sistema que a Sym desenvolveu, não é diferente do que já existe, só que de um modo organizado?


Júlio- O sistema é usado com as restrições que o aplicativo impõe, seguindo todas normas e leis do mercado, o sistema oferece também um chat com uma tela de conversa e interação entre as pessoas. O sistema de automação também ajuda você com informações que podem melhorar seu atendimento, como o tempo que o cliente demora para ser atendido.


Jornal do Vidro - O que você acha importante falar ao público sobre o que vai acontecer nos próximos dias?


Júlio - Acho que não podemos perder o otimismo, acreditar naquilo que fazemos e melhorar o que já era feito, usando o que temos disponível e a tecnologia é uma delas, eu deixaria isso como uma reflexão, o mundo não acabou, estamos nos adaptando.

seção:

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

carreta do vidraceiro - jornal do vidro.

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

max fer.png

PUBLICIDADE

union.png
INOX PAR.png

1/4

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload