© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

A sua vidraçaria tem especialidade em quê?

                                                                                                                          Imagem: Jornal do Vidro

 

Você sabia que as vidraçarias precisam se especializar em alguns serviços e vendas de produtos? Se você já está no mercado vidreiro a algum tempo, já deve ter notado a importância de direcionar o seu negócio para algumas áreas de atuação pré-definidas. As especialidades em serviços específicos podem promover a sua vidraçaria para um status de reconhecimento por partes dos clientes e até mesmo dos fornecedores dentro do mercado de atuação.

 

Ao contrário dos estabelecimentos que vendem produtos em geral, as vidraçarias tendem a seguir algumas regras de segmentações, certo? Ou seja, a vidraçaria precisa dominar algumas áreas, tanto no quesito de vendas de produtos divididos por nichos, como nos setores de atendimento e processos de instalação, por exemplo.

 

Por isso é muito importante ter um foco de atendimento, porque a vidraçaria que não tem um norte acaba suprindo muito pouco da demanda de mercado. Até porque, conhecimento raso não é bom para nenhum tipo de negócio, muito menos quando se trata de comércio direto com o consumidor, como é o caso das vidraçarias. Para evitar fechar as portas por falta de lucratividade, invista em se especializar em produtos e serviços específicos para se tornar uma marca forte no setor em que atua.

 

Como já sabemos, 2019 foi um ano focado na recuperação da economia do país, e em 2020 esse processo continuará a todo vapor. Segundo estudos feitos pelo Sebrae, entre as áreas promissoras para esse ano estão os serviços especializados de manutenção e reparação. Para as vidraçarias, essa notícia é excelente. Oferecer algo inovador e que proporcione segurança e praticidade para os ramos de construção civil, arquitetura e design é uma ótima ideia para conquistar uma nova cartela de clientes e aumentar lucros.

 

A especialização para o vidraceiro

 

Você, vidraceiro, sabia que a função de vidraceiro precisa ter determinadas habilidades para exercer a profissão? Em 2016 foram definidas as competências que um vidraceiro deve ter e elas constam na nova norma técnica que regulamenta a profissão de vidraceiro. O intuito desse tópico é determinar as competências mínimas de um vidraceiro e definir categorias em diferentes níveis e especialidades. Em seu primeiro nível, por exemplo, o vidraceiro deve saber instalar o vidro e seus componentes, estudar o vão, planejar a instalação e se há interferências dos elementos do ambiente.

 

As especialidades da vidraçaria

 

O Jornal do Vidro separou algumas sugestões de serviços que muitas vidraçarias já oferecem, mas que não são corretamente especializadas, confira:

 

Manutenção de sacadas

 

Ao contrário do que se costuma pensar, a manutenção pode ser ainda mais lucrativa que a própria instalação, já que o custo é bem menor. Ou seja, é possível ganhar mais com a manutenção de sacadas do que com o próprio envidraçamento. Apesar da alta demanda, existem poucos profissionais especializados para atendê-la e baixo investimento inicial. Com a mudança de cenário econômico, o cliente prefere mais consertar do que substituir por outra estrutura, situação que pode ser bastante promissória para os profissionais especializados.

 

Você já parou para pensar quantas sacadas já foram instaladas em sua região e que precisam de manutenção para preservação ou correção de algum desgaste de componentes? Só com isso tenho certeza que você já vai ganhar uma alta gama de clientes.

 

Envidraçamento de sacada

 

Cresce a cada ano que passa cada vez mais o número de condomínios que permitem o envidraçamento de sacadas, ou cortinas de vidro como também podem ser chamadas. Aproveite essa tendência e o crescimento das varandas gourmet para se especializar em mais um nicho de instalações.

 

Pele de vidro

 

As vistosas fachadas espelhadas de grandes prédios chamam bastante atenção, não é mesmo? E o mais bacana é que não se trata de uma obra impossível para as vidraçarias menores, pois já é possível realizar o sistema pele de vidro até em pequenas obras, desde que aprovada pelo condomínio. Outro ponto positivo é que estamos falando de um mercado muito novo, seguido há pouco mais de 3 anos, onde existem poucos profissionais especializados, diminuindo a concorrência.

 

O Jornal do Vidro realizará em junho, abril e outubro o curso de pele de vidro, em Gaspar, Florianópolis e Curitiba, oportunidade muito grande para aqueles que desejam se especializar nesse tipo de aplicação. Para mais informações sobre esse curso ou outros como serralheria, fachadas e ACM sacadas, entre em contato pelos números: (41) 99832-8753 ou (41) 3042-2360.

 

A especialização em alguns setores é a grande oportunidade da sua vidraçaria de alavancar de tamanho e crescer muito mais!

seção:

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

carreta do vidraceiro - jornal do vidro.

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

max fer.png

PUBLICIDADE

union.png
INOX PAR.png

1/4

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload