1/2

PUBLICIDADE

A década do vidro tecnológico!


Imagem: Departamento de Arte Jornal do Vidro

2020 põe fim a segunda década do século, e você já parou para pensar quanto o mercado vidreiro evoluiu durante esses últimos dez anos? Devido as diversas necessidades do setor e da construção civil, o segmento vidreiro sofreu alguns desenvolvimentos tecnológicos muito importantes, e nós reunimos aqui as principais invenções da última década que fizeram grande diferença para o nosso mercado, confira!

Revestimentos de vidro

Com certeza essa década ficará marcada para sempre como a que mais reproduziu revestimentos de vidro, concorda? Essa aplicação tomou conta de projetos de decoração e conquistou muito espaço na agenda de trabalhos de muitos vidraceiros! A elegância unida com a modernidade e praticidade desse modelo de projeto foi altamente pedida entre os clientes e sem dúvidas foi um empurrãozinho a mais no crescimento do segmento vidreiro junto com o a decoração.

Vidro de grandes dimensões

Em 2010 os limites de tamanho de vidro foram literalmente quebrados! Com o crescimento dos centros urbanos, veio com ele o crescimento de prédios de altas dimensões, e isso exigiu vidros que comportassem seus elevados tamanhos, dando espaço ao vidro jumbo! Se tornou necessário vidros de maiores dimensões que comportassem tamanhos maiores do que aqueles já comercializados, e foi assim que o vidro jumbo nasceu.

Vidro inteligente

Em 2010 tivemos o primeiro vidro que pensa! Mesmo com vidros que tinham várias aplicabilidades, foi no começo da década que o smart glass foi criado. O vidro inteligente veio com um alto desempenho, contando com sensor de umidade, intersecção com exibição em computadores, controle de luminosidade e economia de energia elétrica. Você vidraceiro imaginava terminar a década com um vidro assim no mercado?

Avanço no transporte

A tecnologia da construção também foi destaque na última década, junto com os diferentes transportes de vidro que surgiram. Para facilitar a locomoção de placas de vidro, foram desenvolvidos até mesmo carros robóticos automáticos e que fazem a locomoção das placas de forma independente, precisando somente de um clique, facilitando muito o trabalho do vidraceiro, não é mesmo? Sem dúvidas 2020 promete alavancar ainda mais o setor do transporte.

Vidro fino

O vidro fino já está presente no setor vidreiro há algum tempo, mas foi a partir de 2010 que dúvidas em relação a força e acústica do vidro fino foram sessadas. O vidro fino sofreu várias adaptações que o tornaram forte, assim como o vidro comum, além das suas propriedades acústicas que também foram aumentadas, além de poder ser temperado quimicamente. Outra curiosidade do vidro fino é que ele ajudou a aprimorar a tecnologia de vidros triplos e vidros de isolamento a vácuo (VIG).

Consumo de energia

A última década trouxe vários avanços no vidro com baixo consumo de energia, desde a nova geração de baixa emissividade até unidades isolantes mais avançadas, como os vidros refletivos e insulados, que ajudam na economia de energia elétrica durante o dia.

Esses foram os principais modelos de vidros que fizeram a diferença na última década e que você, vidraceiro, certamente já teve que instalar em algum momento!

PUBLICIDADE

041 3564-3665

041 3564-3665

WVETRO SISTEMA DE CÁLCULO

041 3564-3665

041 3564-3665

O SISTEMA QUE TRABALHA PARA VOCÊ GANHAR TEMPO

041 3564-3665

041 3564-3665

ESPECÍFICO PARA VIDRAÇARIAS E SERRALHERIAS

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

INOX PAR.png

1/4
logo planekit 2.png
WhatsApp Image 2020-11-05 at 14.22.07.jp
startec logo.jpeg

Você também pode gostar de ler sobre: