© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

TREINAMENTO PARA VIDRACEIROS E SERRALHEIROS ITINERANTE

                                                                       Imagem: Arquivo Jornal do Vidro

 

Qualificar os seus clientes faz sentido? Que tipo de benefício o fornecedor tem quando qualifica os seus clientes? Os clientes se tornam mais exigentes quando qualificados?

 

É verdade que muitas vezes os fornecedores procuram fornecer cursos para os clientes por vários motivos, um deles é aumentar o laço de proximidade com os próprios. Na região Sul nós temos alguns exemplos de empresas que estão usando isso como argumento importante para a fidelização dos clientes. Aliando a questão comercial às práticas de ensino, eles têm fechado parcerias com empresas itinerantes de treinamento.

 

                                                                                                              Imagem: Arquivo Jornal do Vidro

 

Segundo Melissa, estas práticas nos últimos tempos trouxeram benefícios tanto a clientes quanto a própria empresa, Vidromax, “Estamos colhendo frutos desse trabalho que estamos fazendo a bastante tempo”, relatou. A reportagem do Jornal do Vidro esteve em alguns locais que forneceram treinamentos com a carreta itinerante da King, em que as salas normalmente estavam lotadas e sempre com a oportunidade de abrir novas turmas, devido à grande procura pelo treinamento.

 

Uma empresa paranaense de esquadrias teve uma ideia que foi além do mercado consumidor vidreiro: resolveu aliar o treinamento e o workshop a esclarecimentos aos consumidores finais como, construtores, arquitetos e engenheiros.

 

                                                                                                            Imagem: Arquivo Jornal do Vidro

 

Débora, sócia proprietária da empresa Esquadria Paranaense, o ensino de esquadrias, envidraçamentos e conhecimentos de utilização do vidro deveriam ser ensinados nas Universidades, por haver esse gap surgiu o interesse de procurar parcerias de alguns fornecedores para esclarecer dúvidas a respeito de vidros e esquadrias para os clientes finais da própria empresa.

 

Fernanda da AKS, fornecedora da empresa Esquadria Paranaense, nos relatou que achou a iniciativa muito válida e por isso resolveu apoiar esse evento. Rafael, instrutor da King (empresa de envidraçamento de sacadas) empresa proprietária da carreta de treinamentos itinerante, confessou ao Jornal do Vidro que eles estão com uma longa e extensa agenda no Sul do Brasil, passando por São Bento, várias cidades de Santa Catarina, e do interior do Paraná, além das cidades outras localidades no Brasil. Contudo, o mercado vidreiro observa qualificação saindo de um campo teórico e realmente se tornou uma constante nos distribuidores e fabricantes em vários pontos no Brasil.

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

carreta do vidraceiro - jornal do vidro.

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

max fer.png

PUBLICIDADE

union.png
INOX PAR.png

1/4

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload