© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

Como dispensar o vidro de forma correta?

 

                                                                                                                                 Imagem: ANAVIDRO

Ter o habito de fazer a coleta seletiva em casa e colocar o vidro em uma caçamba especial é um hábito de grande importância. Agora imagine esta mesma ação dentro das empresas.

 

Os motivos que geram o descarte do vidro são: pedaços que sobram (retalhos) que não possuem tamanho suficiente para serem aproveitados; cacos que surgem de quebras de vidro pelo processo de furação, lapidação ou até mesmo no forno de têmpera; uso de vidro de baixa qualidade; pelo recebimento de peças não correspondidas ao pedido realizado e também em forma de pó de vidro.

 

Este pó pode se originar do processo da lapidação (que corresponde ao polimento das bordas da peça) e pela furação para o encaixe de acessórios e ferragens.

 

Mas como dispensar o vidro de forma correta?

Como o mercado para a comercialização dos vidros descartados ainda é pequeno, muitas empresas fazem a reciclagem do vidro. Esta ação contribui para o uso responsável dos recursos naturais, que estão cada dia mais escassos.

 

O vidro apresenta uma grande dificuldade na hora do descarte, pois se o material for manuseado de forma incorreta haverá o perigo de causar ferimentos. Por este motivo o descarte do material deve ser feito com cuidado e em segurança.

 

Existem empresas especializadas neste serviço, elas coletam, tratam e dão destino ao vidro. Cada tipo de vidro tem um valor específico que é pago para as processadoras por tonelada da matéria e depois é vendido para a indústria.

 

O vidro reciclado pode ser utilizado em cerâmica, sinalização viária, em elementos decorativos como lustres e entre outros.  A reciclagem é a solução para dispensar o vidro de forma correta. Certas empresas estimulam o retorno de cacos de vidro, desde que estejam livres de impurezas e separados por cor.

 

Apesar de a reciclagem ser a melhor maneira de dispensar o vidro, o pó de vidro não é reciclável então ele deve ser descartado em um aterro industrial.

 

Vidraçarias, apesar de ser em menor quantidade, também geram descarte. E a solução para a sucata, são os aterros ou a coleta por empresas de reciclagem. Inclusive, algumas processadoras oferecem caçambas especiais para que o vidraceiro faça o descarte do seu vidro.

 

O descarte de vidro está regulamentado pela lei 12.305/10, referente a Política Nacional de Resíduos Sólidos, onde é definido as diretrizes para o combate à poluição. O objetivo é a redução na geração de resíduos e estimular os processos de reutilização, reciclagem e tratamento dos materiais. De acordo com esta lei, o descarte ilegal de resíduos sólidos é considerado crime ambiental.

 

É extremamente importante que processadoras e vidraçarias dispensem os vidros de forma correta.

 

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

carreta do vidraceiro - jornal do vidro.

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

max fer.png

PUBLICIDADE

union.png
INOX PAR.png

1/4

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload