© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

Primeiro curso técnico em produção de vidro do Brasil é inaugurado

 

O primeiro curso técnico de Produção de Vidro do Brasil foi inaugurado em fevereiro, na Escola Técnica Estadual (Etec) Presidente Vargas, em Mogi das Cruzes (SP). Inédita no país, a iniciativa resulta de uma parceria firmada entre o Centro Paula Souza (CPS) com a Associação Técnica Brasileira das Indústrias Automáticas de Vidro (Abividro) e a empresa Nadir Figueiredo, que investiu R$ 500 mil na infraestrutura do Laboratório de Produção de Vidro da Etec e na compra de equipamentos.

 

O curso é gratuito e tem duração de 18 meses. No primeiro semestre, foram ofertadas 40 vagas no período noturno, para as quais houve 158 inscritos – uma relação de 3,95 candidatos por vaga. Idealizada com o auxílio do Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros (CeRTEV), a grade curricular inclui aulas teóricas e práticas que visam transmitir noções básicas sobre o vidro, diferentes processos de produção, propriedades físicas, técnicas de controle de qualidade e reciclagem, além de apresentar os estudantes aos principais equipamentos usados na indústria do setor. “Ao aliar teoria e prática, o aluno fará o curso direcionado ao mercado de trabalho”, afirma a diretora da Etec, Merioni Musollari.

 

“Esse era um dos carros-chefes do nosso projeto, pois garante a multiplicação de conhecimento na área e também contribui com a indústria vidreira, que é completamente carente de mão de obra qualificada”, afirma Ana Candida Martins Rodrigues, coordenadora de Educação e Difusão do CerTEV. Ligado à Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), o CeRTEV reúne pesquisadores da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Universidade de São Paulo (USP), campus São Carlos, e Universidade Estadual Paulista (Unesp), de Araraquara.

 

“O curso técnico de Produção de Vidro é um belo exemplo de união de forças para a realização de um objetivo comum, e também de estreita interação academia-empresa. A união de entidades resultou nesta formação inédita, que esperamos que se espalhe pelo Brasil”, comemora a coordenadora.

 

Mais informações: www.vidro.ufscar.br e www.certev.ufscar.br.

 

Fonte: Agência FAPESP

 

 

 

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

carreta do vidraceiro - jornal do vidro.

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

max fer.png

PUBLICIDADE

union.png
INOX PAR.png

1/4

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload