© 2019 Todos os Direitos reservados ao Jornal do Vidro. Produzido por Agência GUIAX

1/2

PUBLICIDADE

Conheça os encantos da “Ilha do Vidro”

08/03/2018

 

Já ouviu falar no vidro ou cristal de Murano? Localizada em Veneza, na Itália, a pequena ilha multicolorida de Murano - na verdade, um conjunto de sete ilhas menores unidas entre si por pontes – é mundialmente reconhecida por seus vidros artesanais. O material cristalino assume as mais diversos formas e ganha cores exuberantes, que encantam os visitantes e atraem turistas de passagem por Veneza.

 

A história da produção vidreira em Murano começa no período medieval, mais necessariamente no ano de 1291, quando todos os cristaleiros de Veneza foram obrigados a transferir sua produção para a ilha graças aos frequentes incêndios que atingiam a cidade, em decorrência dos enormes fornos usados para aquecer e derreter o vidro. Nós séculos seguintes, a ilha ganhou fama com a fabricação de miçangas de cristal e espelhos. O cristal aventurina foi uma invenção dos cristaleiros de Murano, que durante algum tempo chegou a ser o maior produtor de cristal da Europa.

 

 

Atualmente, Murano tem sete mil habitantes e recebe anualmente mais de cinco milhões de turistas. O comércio de vidros artesanais é o principal atrativo turístico da ilha. A produção local inclui desde delicadas joias até enormes lustres que são comprados por hotéis luxuosos de todo o continente. A produção nas fábricas começa pela manhã, e à tarde a produção diária já está exposta nas inúmeras lojas da ilha. Cada peça é esculpida por meio do sopro e das habilidades manuais do cristaleiro. Algumas fábricas recebem turistas com demonstrações de como é produzido o vidro artesanal.

 

Outro passeio imperdível é ao Museu do Vidro de Murano, que conta a história da tradição do artesanato com vidro na região e também exibe peças mais modernas, verdadeiras obras de arte feitas em vidro. A visita à Murano não fica completa sem uma parada em uma de suas lojas. Dentre as mais famosas estão a Seguso, Venini, Barovier & Toso, Cenedese e Mazzega, mas há opções para quase todos os bolsos nas lojinhas menores. É preciso ficar atento para não ser enganado por imitações da China, vendidas a preços mais baixos. Nas prateleiras, o visitante encontra uma variedade de vasos, pratos, jarros, esculturas, taças, lustres, joias e objetos de decoração em geral. Por serem peças de fabricação artesanal, possuem design e cores exclusivos. Levar para casa um item de vidro de Murano é ter consigo uma lembrança dessa verdadeira imersão pela história do vidro.

 

 

Please reload

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ECG..png
ECG..png

PUBLICIDADE

METTALLFLECK..png
METTALLFLECK..png

PUBLICIDADE

Sem título-2.png

PUBLICIDADE

BOLT INOX..png
BOLT INOX..png

PUBLICIDADE

KING..png

PUBLICIDADE

NETOCOLOR.jpg

PUBLICIDADE

ANTALUM..png

PUBLICIDADE

union.png

PUBLICIDADE

INOX PAR.png

Você também pode gostar de ler sobre:

Você conhece o Vidro Low-e?

13/01/2020

Ascevi intermédia palestra na I Semana das Engenharias em Palhoça SC para 60 estudantes de Arquitetu...

12/09/2017

Empresas italianas mostram novidades da indústria vidreira durante a Glass South America

08/06/2016

Saiba por que você não pode perder a GLASS SOUTH AMERICA

03/06/2016

USP São Carlos desenvolve vidro que muda de cor e pode camuflar objetos

01/06/2016

Níveis de blindagem automotiva

25/05/2016

Governo sinaliza irregularidade em exportações de vidros automotivos

13/05/2016

Vidro Serigrafado: Instrumento elementar ou primordial?

11/05/2016

1/1
Please reload